quarta-feira, 10 de julho de 2024

O Gibi

O Gibi - 1ª Edição


Contra o Tráfico de Pessoas: a história de André e Alana.
Rede Um Grito Pela Vida - CRB Nacional


Junho de muitas atividades em Autazes (AM)


O mês de junho foi marcado por uma série de atividades promovidas pela Rede Um Grito Pela Vida em Autazes, Amazonas. No dia 10, a Ir. Margarida realizou visita à Aldeia Indígena Murutinga, que pertence à Paróquia de São José, na Vila de Novo Céu.

Durante a visita, Ir. Margarida conduziu uma formação na Escola Manoel Miranda, abordando temas como o tráfico de pessoas e o abuso sexual de crianças e adolescentes.

"Consegui passar nos três períodos, reunindo os alunos de duas em duas salas. No final do período matutino, reuni professores e funcionários. Houve boa participação e interesse, pude perceber isso através dos vídeos e panfletos que utilizei. Acredito que estas ações tenham despertado a todos para essa problemática, que tem se mostrado fortemente presente em Autazes", relatou Ir. Margarida.

Além disso, o grupo também esteve na Escola Raimundo Sá, em Autazes, onde realizou uma palestra para os alunos sobre o trabalho infantil, ressaltando a importância da conscientização e do combate a essa prática.

Essas atividades refletem o compromisso da Rede Um Grito Pela Vida em promover a educação e a conscientização sobre questões sociais críticas, visando à proteção e ao bem-estar das comunidades locais.



segunda-feira, 8 de julho de 2024

Intervenção Social marcou a saída dos barcos para o Festival de Parintins


No dia 26 de julho, uma ação de intervenção social  levou mais conscientização às pessoas que embarcaram em Manaus (AM) rumo ao Festival de Parintins. Com o tema "Vamos caprichar e garantir o cuidado com a vida. Não ao tráfico de pessoas", a iniciativa chamou a atenção para a importância da prevenção ao tráfico humano, exploração sexual e outras formas de exploração, prezando pelo cuidado com a vida.

A ação contou com a participação ativa da Pastoral da Aids, da Comissão Pastoral da Terra (CPT) e da Vida Religiosa, todos em parceria com a Rede Um Grito pela Vida. A Irmã Rosa Elena Ciprés Dias, representante da  CRB Nacional que visitou Manaus, participou do ato.

Juntos, os grupos reforçaram a mensagem de conscientização e proteção, buscando sensibilizar os viajantes e a comunidade sobre os riscos a erradicação do tráfico de pessoas.

Os participantes distribuíram materiais informativos, promoveram diálogos e forneceram orientações para identificar e denunciar situações suspeitas. A intervenção foi bem recebida pelos passageiros.








Núcleo de Salvador presente na Romaria da Terra e da Água


A Rede Um Grito Pela Vida - Núcleo de Salvador (BA), esteve presente na 47ª Romaria da Terra e das Águas, em Bom Jesus da Lapa, cujo tema central foi: "De mãos dadas por justiça socioambiental para salvar a Casa Comum" e o lema "Farei uma nova aliança com meu povo" (Jeremias 31:31).

Selma Sena e Edson Oliveira, integrantes do núcleo de Salvador  participaram ativamente deste evento. Em parceria com o grupo Igreja em Saída, a Rede animou o Plenarinho Fé e Política, contando com a assessoria de Daniel Seidel, da equipe Justiça e Paz e do grupo Fé e Política. O foco foi o fortalecimento da articulação de "Encantar a Política", especialmente relevante em um ano de eleições municipais, destacando a importância de compreender os motivos pelos quais votamos em cada candidato.

Dada a grande participação de pessoas, integrantes da Rede realizaram uma Intervenção Social, distribuindo diversos materiais de comunicação da Rede e compartilhando sua missão de enfrentar o tráfico humano através do diálogo.

É muito importante para nós reconhecer o fortalecimento de nossa atuação, especialmente junto aos nossos jovens!







sexta-feira, 5 de julho de 2024

Rede Um Grito Pela Vida presente na Festa do Divino Pai Eterno


A cidade de Trindade (GO) está em festa nestes dias com a celebração da Festa do Divino Pai Eterno, atraindo uma grande presença de público durante todos os dias da novena.

A Rede Um Grito Pela Vida marca presença no evento promovendo a mensagem de prevenção e erradicação do tráfico de pessoas.

Durante o movimentado desfile dos carros de boi, um dos momentos mais aguardados, religiosas do núcleo de Goiânia promoveram uma intervenção social. Em parceria com a Pastoral da AIDS, foram distribuídos folhetos informativos, visando conscientizar os participantes sobre a gravidade do tráfico humano e a importância da prevenção.

Que o Divino Pai Eterno interceda pela vida de todas e todos que sofrem com o tráfico de pessoas, e suscite em muitos o desejo de participar da luta pela dignidade humana e por uma vida sem tráfico de pessoas.



Rede Um Grito Pela Vida chega a Santo Antônio de Içá (AM)


Com muita alegria anunciamos: Chegamos em Santo Antônio de Içá (AM).

Nosso grito vai ecoar pelo rio, pelas ruas e por todos os cantos dessa linda cidade.

Após uma formação com líderes da Paróquia Santo Antônio de Lisboa em 24 de junho, a comunidade iniciou a articulação de um novo núcleo da Rede Um Grito Pela Vida. A atividade contou com a participação da coordenadora da Região Amazônica, Irmã Michele da Silva, ICM.

O grupo está empolgado em abraçar a luta pela erradicação do tráfico de pessoas e já definiu a data oficial para a inauguração do núcleo: 28 de julho próximo.

Santo Antônio do Içá, localizado no estado do Amazonas, tem cerca de 23 mil habitantes (IBGE, 2021) e está situado na região norte do Brasil, fazendo fronteira com a Colômbia. Além de sua população, o município é conhecido por sua vasta biodiversidade e pela presença de comunidades indígenas.






Núcleo de Salvador participa do lançamento da Campanha Coração Azul

Ir. Altair, Márcia Rodrigues (Coordenadora da Rede - Núcleo de Salvador), Trícia Calmon (Superintendente de Apoio e Defesa aos Direitos Humanos da SJDH), Alessandra e Sara (Representantes do Projeto Força Feminina).


O Núcleo de Salvador da Rede Um Grito Pela Vida participou, no dia 04 de julho,  do lançamento oficial da Campanha Coração Azul, de prevenção e combate ao tráfico de pessoas, promovida pela Secretaria de Justiça e Direitos Humanos da Bahia.

Ao longo deste mês, na capital e interior, ações serão desenvolvidas na capital e no interior com foco no esclarecimento da população.

A campanha Coração Azul foi lançada pela Organização das Nações Unidas (ONU) como uma iniciativa global para aumentar a conscientização e combater esse crime hediondo. A Secretaria de Justiça e Direitos Humanos da Bahia (SJDH), tem organizado todo ano um evento com as/os parceiras/os na defesa da vida e dos Direitos Humanos.

A Rede Um Grito Pela Vida foi representada por Márcia Rodrigues (Coordenadora do Núcleo) e Ir. Altair Messias. A Rede vem trabalhando assiduamente na prevenção e no combate ao tráfico de pessoas através de intervenções sociais, de formação e informação contínua para as comunidades e grupos das mais variadas áreas da sociedade. 

A partir do tema “Liberdade não se compra. Dignidade não se vende”, a SJDH divulgará a mensagem de enfrentamento ao crime nos estádios de futebol, em rodas de diálogo nas escolas e em universidades, estações de metrô, em eventos populares e em outros pontos de grande movimentação, com a distribuição de materiais informativos, iluminação de prédios públicos, durante o mês todo, com a cor azul, além de fortalecer campanhas de mídia digital nas páginas de governo.




segunda-feira, 1 de julho de 2024

Roteiro Orante - Julho

Julho é um mês importante para a nossa luta. No dia 30 celebraremos o Dia Mundial de Prevenção ao Tráfico de Pessoas. A Campanha Coração Azul é a ação que nos une nas atividades de visibilidade da causa.

Neste sentido, a Rede Um Grito Pela Vida convida a rezar e agir a partir da inspiração desse dia especial. Com a produção feita pelo Núcleo de Belo Horizonte, publicamos o Roteiro Orante de Julho.

“Essa campanha é um convite à reflexão e à renovação do compromisso com a defesa e o cuidado da Dignidade e da Integridade de todas as pessoas. Homens, mulheres e crianças são comprados e vendidos como escravos pelos novos mercadores de seres humanos. Diante dessa realidade somos convidados a nos colocar diante do Senhor, na confiança de que Deus vai no ajudando a acender as luzes necessárias pelo caminho.”, destaca o texto.

Acesse o arquivo, baixe, leia, reflita e reze na Igreja, na comunidade religiosa, em grupo, nas reuniões dos núcleos, dos sindicatos, nos grupos.

Clique aqui e baixe o roteiro orante