terça-feira, 12 de janeiro de 2021

Dia Mundial de Oração e Reflexão contra o Tráfico de Pessoas

8 de Fevereiro de 2021 - Economia sem tráfico de pessoas

O Dia Mundial de Oração e Reflexão contra o Tráfico de Pessoas de 2021 destaca uma das principais causas do tráfico de pessoas: o modelo econômico dominante, cujos limites e contradições são agravados pela pandemia COVID-19.

O tráfico de pessoas é parte integrante desta "economia": as pessoas que são vítimas do tráfico como "mercadorias" são inseridas nas engrenagens de uma globalização regida pela especulação financeira e pela concorrência "abaixo do custo". É necessária uma visão “estrutural e global” do tráfico para desequilibrar todos aqueles mecanismos perversos que alimentam a oferta e a procura de “pessoas para explorar”, porque é o coração de toda a economia que está doente.

Um aforismo atribuído a Oscar Wilde afirma que o cínico é aquele que sabe o preço de tudo e o valor de nada, portanto esta economia parece dominada pelo cinismo: no que se refere a bens, serviços e pessoas, não só o mercado faz o preço, mas o que é ainda mais dramático é o preço que determina seu valor. A própria empresa é vítima desta lógica, cada vez mais valorizada pelo preço das suas ações no mercado financeiro e não pelo valor acrescentado gerado pelo seu capital humano.

O tráfico é, portanto, a ponta do iceberg, é o espelho de aumento de um mal-estar de um neoliberalismo vigente baseado em uma (falsa) ideia de liberdade econômica em que toda instância ética, social e política é estranha e um obstáculo. Pelo contrário, uma economia sem tráfico é uma economia que valoriza e zela pelo ser humano e pela natureza, que incluem e não explora os mais vulneráveis.

Nesta perspectiva, o Comitê Internacional do Dia Mundial de Oração e Reflexão contra o tráfico de pessoas participa da "Economia de Francisco": o grande movimento de jovens economistas, empresários e agentes de transformação de todo o mundo convocados pelo Papa Francisco para compartilhar ideias e projetar iniciativas para a promoção do desenvolvimento humano integral e sustentável, no espírito de Francisco.

ALGUNS DADOS ECONÔMICOS

● 150,2 bilhões de dólares são os lucros anuais decorrentes do tráfico no mundo, dois terços dos quais são provenientes da exploração sexual.

● 21.800 de dólares são lucros anuais pelas vítimas de tráfico para exploração sexual, 4.800 nos setores de construção, manufatura, mineração e serviços públicos, 2.500 na agricultura, 2.300 no trabalho doméstico.

● 34.800 dólares são lucros anuais pelas vítimas de tráfico nas economias avançadas, 15.000 dólares no Oriente Médio, 7.500 na América Latina e Caribe, 5.000 na Ásia-Pacífico, 3.900 na África.

● 50% dos trabalhadores explorados realizam trabalhos forçados para compensar uma dívida.

● 337.462 euros é o custo econômico, social e humano de cada vítima de tráfico na Europa (UE27) em 2016 (últimos dados disponíveis).

● $ 200.000 de dólares é o retorno econômico de um transplante de órgão na Europa Ocidental contra um pagamento de $ 10.000 a um "doador" que vive em extrema pobreza na América Central.


Por: Talitha Kum

segunda-feira, 11 de janeiro de 2021

Núcleo do Rio Grande do Sul tem nova coordenação


A Irmã Angélica de Oliveira é a nova coordenadora do núcleo gaúcho da Rede Um Grito Pela Vida,  entidade da CRB Rio Grande do Sul, cuja missão é a luta pela prevenção e erradicação do Tráfico de Pessoas.

A jovem Irmã do Imaculado Coração de Maria (ICM) assume a missão em substituição a Irmã Michele da Silva, icm. A eleição aconteceu durante reunião online do grupo. Na mesma ocasião, a Irmã Glenda Sábio, das Irmãs Franciscanas da Penitência e Caridade Cristã, foi escolhida como secretária.

Nascida em Sinop, no Mato Grosso, Irmã Angélica de Oliveira é religiosa ICM desde 2013. É formada em Serviço Social, na Universidade Federal do Rio Grande do Sul, e exerce sua missão junto ao Instituto Providência, de Porto Alegre (RS), obra fundada pela Bem-Aventurada Bárbara Maix, que pertence à Rede ICM de Educação e Assistência Social.

No Rio Grande do Sul, a exemplo do que acontece em âmbito nacional, a Rede Um Grito Pela Vida reúne congregações religiosas e leigos/as para as ações de enfrentamento ao Tráfico de Pessoas. Em 2020, por conta da pandemia, muitas ações foram feitas na modalidade online, com a publicação de vídeos educativos e de esclarecimento à população.

--

Serviço de Comunicação | comunicargpv@gmail.com


quinta-feira, 24 de dezembro de 2020

Mensagem de Natal 2020

Com alegria anunciamos a Boa Notícia: NASCEU JESUS! O Filho de Deus vem para libertar e salvar! O céu tocar a terra!

Nesta grande festa do Amor somos impregnados da divindade do Pai de Amor, por isso, toda vida tem a presença de Deus e deve ser defendida, protegida e valorizada. 

Assista a mensagem da Coordenação Nacional da Rede Um Grito Pela Vida!

terça-feira, 15 de dezembro de 2020

Reunião da Coordenação Nacional

Com a chegada do final do ano é preciso avaliar a caminhada e projetar as ações para o ano que se aproxima. Foi com essa motivação que, na última semana, a coordenação nacional da Rede Um Grito Pela Vida promoveu uma reunião online. Além das Irmãs que integram a coordenação, também os assessores/as participaram. O trabalho pela vida ameaçada não pode parar!

quinta-feira, 10 de dezembro de 2020

Retrospectiva do Regional Bahia-Sergipe

Apesar do ano atípico com a pandemia que impôs o distanciamento social, a Rede Um Grito Pela Vida, no Regional Bahia-Sergipe, trabalhou incansavelmente. O vídeo abaixo ilustra das ações realizadas. Confira!

quinta-feira, 26 de novembro de 2020

Irmã Nilda Nair Reinehr, PRESENTE!



“Lá no céu só vão entrar os amorosos
Os que amaram como Deus mandou amar
Quem lutou pra ver feliz outras pessoas
Eternamente lá no céu, irá morar.” (Pe. Zezinho)


Ó Deus, Autor da Vida, nós, teus filhos e filhas que formam a Rede Um Grito Pela Vida, com os nossos corações apertados diante de uma perda tão significativa, apresentamos-te  nossa prece de louvor e gratidão pela vida da nossa querida Irmã Nilda Nair Reinehr, que hoje, 26 de novembro, voltou para junto de Ti.

Senhor, testemunhamos que nossa companheira Irmã Nilda Nair foi como a serva fiel, que recebeu o talento, multiplicou e agora, voltando para Vós, o entrega multiplicado, assim participando da tua alegria no céu. Ela foi ‘uma vida pelas vidas’. Foi também uma incansável profetiza que, guiada por vós, gritou alto e forte contra o tráfico humano e qualquer forma de exploração. Foi uma verdadeira discípula que nos mais vulneráveis – as crianças, jovens, mulheres e os povos da Amazônia – enxergou neles/as o Teu Filho Jesus Cristo.

Ó Pai nosso, com a nossa prece banhada em lágrimas, e na esperança da vida eterna, pedimos-te que a Irmã Nilda seja acolhida no teu abraço misericordioso e receba a recompensa do teu amor.  Conforta os nossos corações, os corações das Irmãs Franciscanas Missionárias de Maria Auxiliadora, os corações dos familiares e amigos. Que do céu, junto de Vós, ela interceda por nossa causa, pelos empobrecidos/as, pela vida ameaçada.




Por fim, Senhor, ressignificamos a nossa tristeza em saudade. Nossa Irmã gastou a vida fazendo o bem. Acolhemos como herança o testemunho de vida de uma mulher consagrada, destemida, sensível e amável. Sua lembrança será um luzeiro que afastará as sombras, nos guiará na caminhada, suscitará novas vocações e impulsionará nossa missão de defesa e promoção da vida.

Bendito sejais, Senhor!

Coordenação Nacional
REDE UM GRITO PELA VIDA

segunda-feira, 26 de outubro de 2020

Articuladores da Região Sul articulam live para o Dia Internacional Contra a Violência a Mulher

Nesta segunda-feira, dia 26/10, os articuladores da Rede Um Grito Pela Vida da Região Sul tiveram uma reunião online para tratar sobre a possibilidade de uma live em Comemoração ao Dia Internacional Contra a Violência a Mulher, no dia 25/11. Logo que sejam feitos os devidos encaminhamentos, a intenção é que a live seja  disponibilizada pela plataforma da CRB Nacional.

--
Rede Um Grito Pela Vida
Serviço de Comunicação | comunicargpv@gmail.com

SC: Rede avalia 2020 e planeja ações para 2021

Em Santa Catarina, os/as integrantes da Rede um Grito Pela vida realizam reunião para fazer memória agradecida pelo ano de 2020. Foram muitas oportunidades para encontro, oração, formação e entreajuda. Tudo para somar na grande rede de enfrentamento ao Tráfico de Pessoas. A oportunidade, inclusive, foi o momento oportuno começar a planejar as ações para o ano de 2021.

--

Rede Um Grito Pela Vida
Serviço de Comunicação | comunicargpv@gmail.com

segunda-feira, 19 de outubro de 2020

Referenciais da Região Nordeste participam de encontro virtual


Nesta segunda 12 de outubro sobre as bençãos da Mãe Aparecida, realizamos uma reunião online com os núcleos da Rede Um Grito pela Vida da Região Nordeste.

Durante esse tempo de pandemia, muitas mudanças aconteceram em nossa vivência como Rede e uma delas foi nos adaptarmos a realidade virtual, para realizarmos as nossas reuniões e outras ações as quais costumávamos fazer presencialmente. Essa realidade nova que nos proporcionou encontros online com vários núcleos, além de formações valiosas proporcionadas pela coordenação nacional e com o apoio da Conferência dos Religiosos do Brasil. 

Esses últimos meses consegui, como articuladora da Região Nordeste, reunir-me com os núcleos de João Pessoa, Salvador e Sergipe, Maceió, São Luiz e Fortaleza. Encontros esses de partilha das situações em meio ao isolamento social, mas também de algumas ações realizadas nas datas como 18 de maio, 30 de julho, 23 de setembro, tudo isso via os meios de comunicação.

 E nesta segunda dia 12, nos encontramos com as/os referenciais dos núcleos da rede na Região Nordeste. Estavam presentes: Natal – RN – Ir.Aline e Orlando, João Pessoa – PB – Ana Célia, Recife – PE – Fátima Evangelista, Maceió – AL – Teo, Sergipe  - SE – Ir. Claudira, Salvador – BA – Ir. Rosa Helena, Ir. Marta, Ângela, Marita, São Luiz – Ir. Graça, Teresina – Ir. Denise, Fortaleza – CE – Ir.Sirleide.   

Fizemos uma partilha das ações realizadas por cada núcleo, a participação dos membros da Rede nas formações oferecidas pela coordenação Nacional e alguns núcleos que fizeram formações e disponibilizaram para outros. Essa troca tem nos enriquecido e nos fortalecido nessa caminhada em meios aos desafios desse novo tempo.


Fiz algumas comunicações importantes para nossa organização:

• O nosso IV Nordestão que foi cancelado no mês de abril por conta do isolamento, estava previsto para fevereiro de 2021, porem, devido à pandemia, e sem previsão da vacina, decidimos, com a CRB, por cancelar mais uma vez. Dependendo da situação, o evento será realizado no final do 1ºsemestre de 2021 ou no 2º semestre. 

• Formulário da pesquisa para atualização dos dados dos núcleos da RGPV em nível Nacional.

• Parabenizamos o núcleo vencedor no concurso dos cards – Salvador (Ângela) 

• Os demais serão divulgados nas redes sociais e aproveitados para impressos futuras. 

Obrigada a todas(os) que participaram, foi um momento muito rico de reencontro com todos os referenciais, mesmo de forma virtual o encontrar nos impulsiona para seguir acreditando no poder que temos como Rede de proteção e defesa da vida.


Ir. Sirleide C. de Oliveira (Franciscana de Dillingen) OSF.
Referencial da Rede um Grito pela Vida na Região Nordeste

--
Rede Um Grito Pela Vida
Serviço de Comunicação | comunicargpv@gmail.com

domingo, 18 de outubro de 2020

Nota de pesar e solidariedade



“Jesus tirou da morte a última palavra:
quem crê n’Ele será transfigurado
pelo amor misericordioso do Pai
para uma vida eterna e abençoada”

Papa Francisco

Estimada Irmã Isabel,

Nós, tuas companheiras e companheiros de caminhada na Rede Um Grito Pela Vida, expressamos nossa solidariedade e proximidade espiritual, por ocasião da páscoa definitiva do seu pai, o senhor Mario Mariano Kuss, ocorrido em tão pouco tempo depois da partida da sua mãe, Maria Deli da Silva. 

    Querida Irmã, celebramos estas vidas benditas que voltaram para a Misericórdia Eterna. Diante de Deus apresentamos a nossa oração-testemunho de que encontramos em ti as marcas de todo o bem que teus pais promoveram: o amor e comprometimento com a vida ameaçada. 

    Que a Trindade Santa, por intercessão de Santa Josefina Bakhita, os recompense com o descanso eterno, bem como conceda a graça do consolo aos  familiares e amigos/as.


Coordenação Nacional
Rede Um Grito Pela Vida

terça-feira, 13 de outubro de 2020

Live: Migração: exploração sexual e o tráfico de mulheres e crianças


“Migração: exploração sexual e o tráfico de mulheres e crianças” vai ser o tema do evento virtual promovido pelo Conselho Estadual de Refugiados Migrantes e Apátridas, entidade do Governo do Estado do Paraná.

A Rede Um Grito Pela Vida contribuirá com o evento. A coordenadora nacional Ir. Valmi Bohn, idp, será uma das palestrantes.

A live inicia às 19h (horário de Brasília) e será transmitida através do youtube, através do link http://abre.ai/sejufparana


ATUALIZAÇÃO

Assista a íntegra da live:

segunda-feira, 12 de outubro de 2020

quinta-feira, 1 de outubro de 2020

Atenção permanente: Campanha Em Fuga alerta para situação das pessoas em deslocamento interno


Por ocasião do Dia Mundial do Migrante e Refugiado, a Irmãs Missionárias de São Carlos Borromeo – Scalabrinianas promoveram a campanha “Em fuga”, que teve o objetivo de chamar a atenção para pessoas em deslocamento interno, em seus países.

A campanha foi encerrada no dia 30 de setembro, porém, o alerta para toda sociedade é intemporal. Apontando dados da ONU, a Congregação destaca que a cada segundo, uma pessoa é forçada a abandonar sua casa em algum lugar do planeta e, dentre estes, muitos foram forçadas a deixar seus lares por razões similares às dos refugiados: perseguições, desastres naturais, falta de recursos, conflito armado, violência generalizada e grave violação dos direitos humanos.

Se está ruim, pode piorar. Essa realidade dos deslocamentos internos também favorece o Tráfico Humano, em suas diversas possibilidades: exploração sexual, trabalho forçado, adoção ilegal, entre outras modalidade.


A Rede Um Grito Pela Vida apoia a campanha Em Fuga. Em videomensagem,  Irmã Valmi Bohn, integrante da coordenação nacional da Rede, destacou o apoio dos 29 núcleos da entidade à causa das Scalabrinianas e da Igreja.

“Nós como Rede Um Grito Pela Vida, junto com as Irmãs Scalabrinianas, outras entidades governamentais e não governamentais que fazem parte da rede de proteção, nos unimos nessa Semana do Migrante para também fazer a nossa parte de prevenção, proteção, acolhida, ajuda e integração de tantas pessoas vindas de outros lugares, dos deslocados no nosso país. Estamos juntos nessa luta! Podemos fazer a diferença na vida das pessoas deslocadas” disse Ir. Valmi. 

Abaixo, assista a íntegra da mensagem:

 

--
Rede Um Grito Pela Vida
 Serviço de Comunicação | comunicargpv@gmail.com

segunda-feira, 28 de setembro de 2020

Irmã Rose Bertoldo: tráfico humano ainda é muito invisibilizado

Prevenção através da Informação. Em Manaus, no Amazonas, a Rádio Rio Mar abriu espaço para o debate sobre o Tráfico de Pessoas. Tendo como motivação, o Dia Mundial contra a Exploração Sexual e o Tráfico de Mulheres e Crianças, o programa “Notícia em ponto” entrevistou a Irmã Roselei Bertoldo, icm, da Rede Um Grito Pela Vida.

Assista a íntegra da entrevista:

Irmãs Catequistas Franciscanas e o Dia Mundial do Migrante


O Dia Mundial contra a exploração sexual e o tráfico de mulheres e crianças e o Dia Mundial do Migrante foram celebrados pelas Irmãs Catequistas Franciscanas, em Santa Catarina. No momento orante, foi lembrada a realidade dos migrantes: a vulnerabilidade social, o desafio de recomeçar a vida, sonhos e esperanças. Unidas às forças vivas eclesiais e da sociedade, as religiosas participam da Rede Um Grito Pela Vida.

--

Rede Um Grito Pela Vida
Serviço de Comunicação | comunicargpv@gmail.com

Dia Mundial do Migrante é celebrado pelas Irmãs Salvatorianas


Em comunidade, e em sintonia com a Igreja no mundo, as Irmãs Salvatorianas, da comunidade formadora Madre Maria dos Apóstolos, em Curitiba/PR, rezaram  a realidade do tráfico humano e o Dia Mundial do Migrante e Refugiado.

A mensagem das Irmãs é a de “fazer ecoar o grito que vem das mulheres e crianças exploradas”.



--

Rede Um Grito Pela Vida
Serviço de Comunicação | comunicargpv@gmail.com

Missa recorda as vítimas do tráfico humano e da exploração sexual


No domingo, 27 de setembro, a comunidade Nossa Senhora da Guia, em Curitiba (PR), aconteceu a Missa em intenção das vítimas da exploração sexual e do tráfico de pessoas. A motivação acontece na semana em que se recordou o dia internacional da causa.

As fotos foram enviadas pelo Frei Luiz Carlos Batista, religioso da Ordem Santo Agostinho.




--

Rede Um Grito Pela Vida
Serviço de Comunicação | comunicargpv@gmail.com


sábado, 26 de setembro de 2020

Rede Um Grito Pela Vida - Regional Teresina realiza live


A Rede um Grito pela Vida, Núcleo de Teresina, em parceria com o Centro da Juventude Santa Cabrini, realizou na manhã da terça-feira, 22 de setembro, uma live formativa com o tema “Educadores Sociais: tecendo rede de enfrentamento ao Tráfico Humano” em alusão ao dia 23 de Setembro – Dia Internacional de combate ao tráfico de mulheres e crianças. Com o intuito de instrumentalizar os educadores pertencentes ao sistema de garantia de direitos da cidade de Teresina. 

A live iniciou as discussões dessa temática junto a Secretaria Municipal de Cidadania, Assistência Social e Políticas Integradas – SEMCASPI, buscando fortalecer o combate ao tráfico de pessoas na de capital piauiense. 

Segundo dados do Ministério da Mulher, da Família, e dos Direitos Humanos mostram que entre janeiro de 2011 e junho de 2019, o Disque 100 recebeu 683 denúncias de tráfico humano em que as vítimas eram crianças e adolescentes.

Na live foram abordados o papel da Rede Um Grito pela Vida e relatadas situações de aliciamento por falsas promessas de emprego, de melhoria de vida, no entanto essas pessoas acabam sendo vítimas de exploração sexual, mão de obra escrava, trabalho forçado. Foi ressaltado a situação de desgoverno pela qual se encontra nosso país e o agravamento do tráfico de pessoas em virtude da pandemia.

Nossos agradecimentos as Irmãs Rose Bertoldo – ICM e Denise Alves Morra – MSCJ pela condução dessa discussão.

--

Rede Um Grito Pela Vida
Serviço de Comunicação | comunicargpv@gmail.com

Salvatorianas celebram Dia contra a Exploração Sexual e o Tráfico de Mulheres e Crianças


Foi em comunidades que as Irmãs Salvatorianas celebraram o Dia Internacional contra a Exploração Sexual e o Tráfico de Mulheres e Crianças.

Respeitando o distanciamento social, que implicou no cancelamento dos atos nas ruas, as comunidades brasileiras receberam um subsídio para a oração e reflexão em comunidade. No dia 23, recordaram o Dia Internacional contra a Exploração Sexual e o Tráfico de Mulheres e Crianças e no dia 27/09, celebram o Dia Mundial do Migrante e Refugiado.

A Congregação religiosa é comprometida com a missão pastoral do enfretamento e erradicação do Tráfico Humano, contribuindo de forma efetiva com a Rede Um Grito Pela Vida.










--

Rede Um Grito Pela Vida
Serviço de Comunicação | comunicargpv@gmail.com

Irmãs da Divina Providência celebram Dia Mundial contra o tráfico humano


Comunidades das Irmãs da Divina Providência, Província Santíssima Trindade, no Paraná, vivenciaram o dia 23 de setembro - Dia internacional contra a exploração sexual e o tráfico de mulheres e crianças – num clima de oração e reflexão. E a oração está unida à ação em prol dessa causa do Evangelho. As Irmãs participam ativamente das atividades da Rede Um Grito pela Vida. 

Compartilhamos as fotos de algumas fotos das comunidade em oração.







--

Rede Um Grito Pela Vida
Serviço de Comunicação | comunicargpv@gmail.com

Núcleo de Maceió dá prosseguimento aos estudos de formação

Aconteceu no dia  12 de setembro, a reunião da Rede Um Grito Pela Vida - Núcleo de Maceió. O encontro virtual deu continuidade ao estudo do livro “Proteger a Infância”. 

Partilhamos as nossas reflexões sobre o Capítulo 2, os princípios pedagógicos e critérios didáticos para garantir os direitos fundamentais das crianças e adolescentes. Foi uma rica e animada partilha. Tivemos a alegria de ter a presença de Ir. Sirleide Cabral, coordenadora da Região Nordeste, que deu alguns informes sobre atividades em nível nacional. Obrigada pela presença, Ir. Sirleide!

O estudo do livro é nossa maneira de lembrar o Dia Internacional Contra Exploração Sexual de Mulheres, Crianças e Adolescentes, 23 de setembro. O grupo dará continuidade ao estudo do livro.

Por: Joana Pundyk


--

Rede Um Grito Pela Vida
Serviço de Comunicação | comunicargpv@gmail.com

Erradicar o tráfico humano

Um desafio da humanidade e da Igreja – é assim que a Irmã Marfiza Marcelino da Silva classifica o grave problema do Tráfico de Pessoas.

A religiosa é do Núcleo da Rede Um Grito Pela Vida em Curitiba, no Paraná. No vídeo abaixo, Irmã Marfiza aborda ainda a exploração sexual, tráfico de órgãos e trabalho análogo à escravidão. Assista!


--

Rede Um Grito Pela Vida
Serviço de Comunicação | comunicargpv@gmail.com

Representantes dos núcleos da RUGPV lançaram vídeo

De norte a sul, de leste a oeste do Brasil, representantes dos diversos núcleos da Rede Um Grito pela Vida se uniram para uma mensagem em defesa da vida e contra o tráfico humano e a exploração sexual. Assista: 


--

Rede Um Grito Pela Vida
Serviço de Comunicação | comunicargpv@gmail.com

sexta-feira, 25 de setembro de 2020

Anunciado card vencedor do concurso da Rede Um Grito Pela Vida

Com a mobilização virtual, a Rede Um Grito Pela Vida movimentou ainda mais os núcleos pelo Brasil. Neste ano, motivados pelo Dia internacional contra a exploração sexual e o tráfico de mulheres e crianças, foi promovido um concurso de cards. Mais de 30 contribuições foram apresentadas. No vídeo abaixo, a Irmã Valmi Bohn, anunciou o card eleito.

 

Veja os demais cards. Clique aqui

Em vídeos, núcleo Bahia/Sergipe faz alerta contra o tráfico humano

O núcleo Bahia/Sergipe da Rede Um Grito Pela Vida acendeu uma luz contra o tráfico humano. Em recordação ao Dia internacional contra a exploração sexual e o tráfico de mulheres e crianças, o grupo produziu e publicou vídeo nas redes sociais, apontando ações para o enfrentamento desse crime. Assista:




Comissão Episcopal para o Enfrentamento ao Tráfico de Humano faz ação nas redes sociais

Na semana em que se recordou a o Dia Internacional Contra a Exploração Sexual e Tráfico de Mulheres e Crianças, a Comissão Episcopal Pastoral Especial para o Enfrentamento ao Tráfico de Humano, da CNBB, divulgou mensagens para as redes sociais e whatsapp. As imagens abordam diferentes modalidades do Tráfico Humano. Acesse, baixe o material e compartilhe com os seus contatos.






--

Rede Um Grito Pela Vida
Serviço de Comunicação | comunicargpv@gmail.com