Mais notícias

domingo, 8 de fevereiro de 2015

Francisco: Tráfico de pessoas é chaga vergonhosa e indigna da sociedade



Cidade do Vaticano (RV) – Após a oração mariana do Angelus, o Papa recordou que neste dia 8 de fevereiro, memória litúrgica de santa Josefina Bakhita, a Igreja celebra o primeiro Dia internacional de oração contra o tráfico de pessoas.


“Encorajo os que estão empenhados em ajudar homens, mulheres e crianças escravizados, explorados e abusados como instrumentos de trabalho ou de prazer e, com frequência, torturados e mutilados. Faço votos que os que têm responsabilidade de governo trabalhem com decisão para remover as causas desta vergonhosa chaga: é uma chaga vergonhosa indigna de uma sociedade civil. Cada um de nós se sinta empenhado em ser voz desses nossos irmãos e irmãs, humilhados em sua dignidade”, disse o Papa, rezando uma Ave-Maria com os fiéis na Praça S. Pedro pelas vítimas e suas famílias.
Além do apelo na Praça S. Pedro, o Papa aderiu à iniciativa acendendo simbolicamente uma luz no site lançado para a ocasião. É possível fazer o mesmo, acessando o endereço http://a-light-against-human-trafficking.info/
O primeiro Dia internacional de oração contra o tráfico de pessoas é uma iniciativa da União dos Superiores-Gerais masculinos e femininos, promovido pelos Pontifícios Conselhos da Pastoral para os Migrantes e os Itinerantes e da Justiça e da Paz, e da Congregação para os Institutos de Vida Consagrada e as Sociedades de Vida Apostólica.
Ainda no Angelus, o Papa Francisco recordou que Santa Josefina Bakhita fez a "dramática experiência" de ser vítima do tráfico de seres humanos quando criança. Ex-escrava sudanesa, tornou-se religiosa canossiana e em 2000 foi canonizada por João Paulo II. (BF)
Copyright Rádio Vaticano

Nenhum comentário:

Postar um comentário