Mais notícias

quarta-feira, 7 de maio de 2014

NOVIDADES de Talitha Kum - Rede Internacional da Vida Consagrada contra o tráfico de pessoas

Por ir. Gabriella Bottani



A Rede Internacional da Vida Consagrada contra o tráfico de pessoas vem crescendo cada vez mais e se organizando para uma ação integrada mais efetiva e eficaz de enfrentamento ao tráfico de pessoas.


A primeira novidade internacional é que a Rede conta com a participação oficial da Vida Consagrada masculina; por exemplo, a pessoa de contato para Talitha Kum na Corea é pe.  Emmanuel Chan.

Talitha Kum tem uma nova equipe central em Roma formada por:

a.       Ir. Albertina Pauletti (irmã escalabriniana),
b.        Ir. Aurelia Agredano (Adoratrice)
c.        Ir. Raquel Diaz (Missionária Carmelita)
d.       Ir. Elizabetta Flick (Auxiliadora do Purgatório)
e.        Ir. Elizabeth Pedernal (irmã escalabriniana),

Durante a primeira conferência de Talitha Kum na Ásia, que foi na Thailandia em Novembro de 2013, APWRATH mudou em Talitha Kum Sud Ásia. Os países que participam desta rede regional optaram de chamar Talitha Kum + o nome do País, assim temos Talitha Kum Thailandia, Talitha Kum Korea, Talitha Kum Philippines, etc.

Em 2014 novas redes foram articuladas; atualmente Talitha Kum passou de 21 para 23 redes locais:

- Na Nova Zelândia nasceu ANZRATH (Aotearoa New Zealand Religious Against Trafficking in Human) - Ir. Gemma Wilson é a pessoa de contato.

- Nos Estados Unidos estamos conectadas, as irmãs comprometidas contra o tráfico de pessoas estão se organizando e estudando modalidades para colaborar com as demais rede de Talitha Kum. A pessoa de contato para a “USA Catholic Sisters Against Human Trafficking” é Ir. Anne Victory, HM.

CAMPANHA NO VATICANO

No dia 20 de maio, de 11h30 às 13h30, na sala de imprensa do Vaticano, Talitha Kum apresentará a Campanha “Jogue a Favor da Vida”. Confirmou a presença o Card. Braz de Aviz e pe. Federico Lombardi; Ir. Paulo Petry e Ir. Gabriella Bottani representarão a Conferência dos Religiosos do Brasil e a Rede Um Grito pela Vida.

Nenhum comentário:

Postar um comentário