Mais notícias

segunda-feira, 4 de março de 2013

Teresina: encontro da Rede

Reunindo cerca de 23 participantes, a Conferência dos Religiosos do Brasil realizou, no sábado, dia 22 de Setembro, o Encontro Rede um Grito Pela Vida. A proposta do evento foi comemorar o Dia Mundial de Combate e Prevenção do Tráfico de Pessoas, divulgar os materiais informativos, fortalecer a Rede no Regional, Repassar o encaminhamento do 1º Nordestão da Rede e propor atividades para o Regional Nordeste 4.
O encontro aconteceu na sede da CRB em Teresina, na reunião estiveram presentes as Irmãs de São José de Concórdia, Irmãs do Imaculado Coração de Maria, Irmãs Filhas de Jesus, Ordem dos Frades Menores, Movimento dos trabalhadores Cristãos, CPT, Comunidade Sabrina Petrini, Missionárias Sagrado Coração de Jesus, Serviço Pastoral do Migrante, Catequistas Franciscanas, Irmãs Calvarianas e Irmãs Carlistas Scalabrinianas.
A reunião começou com uma mística e reflexão sobre o profetismo, como permanecer calado diante das injustiças provocadas pelo tráfico de pessoas e quais os desafios para combater o tráfico. Respondendo a essas questões, a Ir, Nair – Irmã de São José, sintetizou algumas ideias discutidas. “Ser profeta é lutar no dia a dia para o combate, denuncia e prevenção do tráfico de seres humanos. O grande desafio hoje é discutir, tomar uma posição para refletir com esse grupo social, pois o recrutamento, transporte e transferência de pessoas acontece de forma camuflada e são vários fatores que a influência, como: economia, sociedade, educação, desemprego e entre outros”, disse.
Logo após a reflexão, a Irmã Calvariana, Margarida Silva, comentou sobre a memória da Rede Um Grito Pela Vida. Segundo a religiosa o trabalho da rede 'Um Grito pela Vida', tem atuação desde 2006 e trabalha para na conscientização e na luta por políticas públicas para erradicar enfrentar e conhecer o tráfico de seres humanos. “A rede 'Um Grito pela Vida' foi uma resposta da Vida Religiosa por meio do Papa e tem o objetivo de sensibilizar e socializar informações sobre o Tráfico de Seres Humanos; No Piauí temos 7 representantes que tem a corresponsabilidade de capacitar multiplicadores em toda região Nordeste, no intuito de formar, sensibilizar e divulgar ações de prevenção para o enfrentamento desta realidade”, enfatizou.
Ainda de acordo com a Ir. Margarida Silva, a Rede Um Grito Pela Vida é ancorada em quatro eixos de combate, são eles: Trabalho escravo, Exploração sexual, Servidão domestica e venda de órgãos. “ Os principais alvo do tráfico são mulheres, adolescentes e crianças em situação de vulnerabilidade social e as principais causas desse grande mal, são: Desemprego, desigualdade social, discriminação de gênero, violência domestica, turismo sexual, imigração ilegal e etc”, disse.
De acordo com Missionária do Sagrado Coração de Jesus, Ir. Denise Alves Morra, temos que “ficar de olho”, nos grandes eventos Festivos que vão acontecer no Brasil em 2013 e 2014, como Por exemplo, a JMJ – Jornada Mundial da Juventude e Copa do Mundo, pois nesse período haverá um grande recrutamento para o tráfico de pessoas. “Temos que fazer um mapeamento sobre os dados, informações que existe em relação à Copa, embora o Piauí não seja uma das sedes do evento, temos que ter atenção pois seremos rota, então temos que ter metas para a prevenção do Tráfico de Pessoas promovendo ações que sensibilize, informe, promova atividades, campanhas e entre outros.
Os participantes concluíram o Encontro desenvolvendo o novo calendário de atividades para o ano de 2013 e divulgando algumas reuniões que ainda acontecerão em 2012. Como:
Dia 27 de setembro – Em Teresina, Irmãs Missionárias do Sagrado Coração de Jesus promoverá manhã de Comemoração em alusão ao Dia Mundial de Combate ao Tráfico de Pessoas.
Dia 02 de outubro - Reunião em Picos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário